NEFERTITI

| início | actualidades | o espectáculo | participantes | contactos | créditos |
  particiantes > indice > anterior > seguinte


CATARINA MOLDER - meio-soprano

 

 
 

Lisboa, 1973. Iniciou os seus estudos musicais aos nove anos de idade na F.M.A.C..

Em 1991, começa a frequentar a Escola Superior de Música de Lisboa, na classe de Canto da professora Joana Silva, vindo a concluir o Curso Superior de Canto três anos mais tarde.

Em 1995, ingressa na Escola Superior de Música e Teatro de Hamburgo onde se aperfeiçoou em Canto até 1998, como bolseira da Fundação Calouste Gulbenkian e do Governo Alemão.

Entre 1994/95 organizou dois recitais dedicados ao maestro Fernando Lopes Graça e a Brahms e estreou-se no Teatro Nacional de São Carlos nas "Cenas de Fausto" de R. Schumann.

Na mesma época, participou como solista em concertos de Oratória na Fundação Calouste Gulbenkian sob direcção de Jorge Matta, com a Orquestra Sinfónica Juvenil e na R.D.P., sob direcção de João Paulo Santos, e realizou vários recitais no serviço Acarte da Fundação Calouste Gulbenkian. Produziu também diversas gravações para a R.D.P. e estreou-se no Festival de Música de Macau e na televisão.

Em 1998/99, Catarina Molder realizou diversos recitais dedicados ao Cabaret, ao Lied, Mélodie, Música e Ópera, realizados em diversas fundações como no Instituto Franco-Portugais, no Centro Cultural de Belém, no Fórum do Seixal, no Palácio Foz, no Palácio de Queluz, no Europarque, no Museu Gulbenkian, entre outros.

Efectuou igualmente um ciclo de recitais inteiramente dedicado ao universo da infância no Centro Cultural de Belém e na Câmara Municipal de Cascais.